Curso técnico de

Informática para Internet

Sobre o curso

Formar técnicos aptos a atuar com desenvolvimento de aplicações para Internet, abrangendo as principais necessidades do mercado nessa área, desde conhecimentos gerais da estrutura dos computadores e sua montagem, linguagens de programação para WEB, desenvolvimento de aplicações utilizando banco de dados, compreensão e instalação de redes de computadores, passando pelo conhecimento da língua inglesa, gestão empresarial e desenvolvimento de projetos.

O curso prepara o profissional para a realização de atividades que vão desde a montagem de computadores e sua conexão em rede até o desenvolvimento de complexos sistemas WEB com bancos de dados, utilizando recursos e linguagens de programação atuais, além de prover uma fundamentação teórica básica.

O aluno será estimulado a desenvolver uma atitude empreendedora e responsável, terá condições de estruturar ambientes de trabalho e as tecnologias necessárias para o desenvolvimento de projetos; além do conhecimento da língua inglesa e desenvolvimento de habilidades de comunicação e expressão necessárias para a criação de sistemas interativos em diferentes grupos de trabalho.

Diferenciais

O curso integra as áreas das tecnologias da informação e comunicação, desenvolvimento de projetos e empreendedorismo, focando na formação de um profissional capaz de programar para WEB além de montar, instalar, configurar, entender e manter as tecnologias necessárias para esse fim.

Perfil profissional do egresso

O técnico em Informática para Internet é um profissional com conhecimentos técnicos específicos de programação de sistemas WEB, abrangendo aspectos importantes de uma formação suficiente sobre a estrutura dos computadores e sua conexão em rede, com foco na formação de programadores para Internet, com utilização de banco de dados.

Este profissional deve ter boa base em comunicação, expressão, lógica e matemática, incluindo a língua inglesa, indispensável para o profissional desta área. O técnico em informática para Internet deve demonstrar capacidade de abstração, criatividade, pró-atividade, pré-disposição e embasamento teórico mínimo para estar capacitado a aprender novas tecnologias e atualizar-se, buscando corretas e confiáveis referências, sendo capaz de avaliar as melhores fontes de informação para manter-se capacitado frente às mudanças tecnológicas.

Deverá ser capaz, também, de trabalhar em equipe demonstrando responsabilidade, ética, organização e visão sistêmica. O profissional de TI deve ainda, ter conhecimento dos princípios científico, tecnológico, mercadológico além de normas que definem o seu trabalho, buscando autonomia intelectual que o capacite para criar sistemas para Internet com responsabilidade, seriedade e competência.

Pré Requisitos

Para ingressar no Curso Técnico de Informática para Internet: desenvolvimento de software, o candidato deve apresentar conclusão do Ensino Médio e ser aprovado no processo de seleção do referido curso.

Organização curricular

O Curso Técnico em Informática para Internet: Desenvolvimento de Software, ocorre no turno da noite, com a duração de 1200horas/aula relativo aos componentes curriculares mais 360 horas de estágio curricular obrigatório totalizando 1560 horas/aula. É organizado em módulos de 300h cada um constituindo, então 4 módulos, um a cada semestre, totalizando quatro semestres.

O aluno, ao final do Curso, deverá apresentar o Trabalho de Conclusão de Curso. Este será uma aplicação prática utilizando conhecimentos adquiridos ou relacionados com aqueles estudados.

O aluno poderá, a seu critério, ter ou não um ou mais orientadores. Estes poderão ser professores da Fundação ou profissionais externos ligados a área objeto de estudo do Curso.

O trabalho de conclusão não conta horas/aula.

Estágio Curricular

O Estágio Curricular será acompanhado pelo Serviço de Supervisão de Estágios da Escola (SUPE), devendo atender todas as regras do mesmo. A aprovação no Estágio Curricular Obrigatório é condição para a obtenção do diploma de técnico.

O curso poderá ter regras próprias, especificas para a modalidade, desde que não entrem em conflito com as regras gerais da SUPE.

O estágio curricular obrigatório, só poderá ser realizado ao final do terceiro módulo, sendo que o quarto módulo poderá ser cursado concomitantemente com o mesmo.

Certificados e diplomas

O aluno que concluir o curso com aprovação é conferido o Diploma de Técnico em Informática para Internet: Desenvolvimento de Software – Área Informação e Comunicação.

Corpo Docente

Coordenador de Curso: Marcio Leandro Souza Momberger

Supervisão Educacional: Vera Maria Mosmann

Orientação Educacional: Lola Cristina da Luz Rodrigues

Professores

Denis Messa – Comunicação e Semiótica

Elisabete K. Nunes – Inglês Instrumental

Francine Numer – Matemática Computacional I

Inaciane Teixeira da Silva – Comunicação e Expressão

Marcia Isabel da Silva – Matemática Computacional I

Marcio Momberger – Redes de Computadores, Linguagem de Programação III (Java I), Linguagem de Programação IV (Java II), Estrutura de Dados, Programação para Dispositivos Móveis (Mobile), Trabalho de Conclusão de Curso

Marita Beatriz Konzen – Gestão Empresarial, Introdução a Pesquisa Científica

Raul Antônio Gerhardt – Banco de Dados I, Linguagem de Programação I (C# I), Linguagem de Programação II (C# II – MVC), Banco de Dados II, Tópicos Especiais

Vívian Boldt Guazzelli Lisbôa – Algoritmos de Programação, Organização de Computadores, Introdução à Engenharia de Software

Contatos do Curso de Informática para Internet

E-mail Coordenador de Curso: marcio.momberger@liberato.com.br

WhatsApp Coordenador de Curso: 51 99976-4548

E-mail do Curso: informatica@liberato.com.br

Destaques Mostratec 2020

Neste ano de 2020, tivemos a participação dos alunos do Curso Técnico de Informática para Internet:  Matheus Henrique Schmökel e William Bordignon, na Mostratec Virtual, representando o curso e também os alunos do Noturno da Fundação Liberato.

Eles ganharam os seguintes prêmios:

Blog

Venha estudar na Liberato

A Liberato oferece oportunidade de crescimento pessoal e profissional por ensino de qualidade, com ênfase na pesquisa e inovação, além de atividades culturais e esportivas.

O ingresso na Fundação Liberato para todos os cursos, exceto Cursos de Extensão, se dá exclusivamente através de processo seletivo. A prova envolve questões de língua portuguesa e matemática e uma proposta de redação. A prova de seleção para o diurno exige a leitura obrigatória de um livro, indicado pela banca.

Tenho interesse